eGalera

Cinema, Musica, Diversao

By

Google+ completa três anos e registra mais de 500 milhões de usuários

Segundo o Google, cerca de 300 milhões de pessoas acessam suas contas no Google+ diariamente – dado referente a outubro de 2013.

O Google+ está completando três anos com 540 milhões de usuários. Em termos comparativos, a quantidade de internautas que usa o serviço é menos da metade da que está no Facebook.

Segundo o Google, cerca de 300 milhões de pessoas acessam suas contas no Google+ diariamente – dado referente a outubro de 2013. Desde o seu lançamento, a interface mudou bastante e agora tem um visual mais limpo, com foco nos conteúdos de usuários e páginas de fãs.

Read More

By

Com 2,6 Mbps, Brasil é 87º em ranking de velocidade da internet

Pesquisa divulgada hoje pela empresa Akamai constatou que a velocidade média da internet brasileira no primeiro trimestre do ano foi de 2,6 Mbps, atrás da média mundial, de 3,9 Mbps, com com pico de 17,9 Mbps. O resultado deixa o país em 87ª posição globalmente.

A Coreia do Sul lidera a conexão média, com 23,6 Mbps, 60% melhor que o vice-colocado Japão, com 14,6 Mbps. Na sequência vêm Hong Kong (13,3 Mbps), Suíça (12,7 Mbps) e Holanda (12,4 Mbps). Berço das maiores empresas de tecnologia, os EUA aparecem em 12º, com média de 10,5 Mbps no primeiro trimestre.

Uruguai, Chile, Argentina, Colombia e Peru registraram desempenho médio superior ao do Brasil, sendo o primeiro deles, do presidente José Mujica, lider na América do Sul, com 4,3 Mbps, na 57ª posição.

O relatório também apura as velocidades de internet móvel, quesito no qual a Coreia do Sul também lidera, com média de 14,7 Mbps. O Brasil fica quase no fim da lista, com 1,2 Mbps.

Para ler o estudo completo, em inglês, clique aqui.

Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/noticia/com-2-6-mbps-brasil-e-87-em-ranking-de-velocidade-da-internet/42788

By

Google Glass pode ser usado para descobrir senhas só com o olhar

Pesquisadores desenvolveram um software capaz de usar o Google Glass para descobrir as senhas que as pessoas usam em celulares e tablets.

A técnica, gerada na Universidade de Massachusetts, consiste em acompanhar os movimentos e as sombras geradas com os toques na tela do aparelho para decifrar o código. Isso pode ser feito a três metros de distância, mesmo se o atacante não conseguir visualizar os movimentos da vítima a olho nu.

Em entrevista repercutida pelo Daily Mail, o professor Xinwen Fu, que lidera a equipe de pesquisadores, informou que a técnica acerta em 90% dos casos.

Essa descoberta de informações por visualização também funcionaria com outros aparelhos, como o iPhone 5, um relógio inteligente ou uma webcam, mas nenhum deles cabe tão bem para a tarefa quanto o Glass, porque o atacante pode agir com naturalidade.

O Google não pareceu impressionado. Disse que não se trata de uma tática nova e que o Glass foi desenvolvido com foco em privacidade.

Fonte: http://olhardigital.uol.com.br/noticia/42794/42794

 

By

Mostrando Habilidade

By

A Culpa é das Estrelas

By

Samurai